30 Nov 16

Ainda Transmedia Storytelling

Ainda Transmedia Storytelling

A forma como comunicamos nos meios offline e online, através de livros, Internet, TV, filmes, jogos, embalagens, revistas, entre outros, encontra no Transmedia Storytelling a estratégia para a um discurso criativo e unificado. Desta forma, todos os pontos de contacto entre marcas e pessoas acabam por se complementar.

No desenvolvimento de um processo de transmedia storytelling temos de considerar como variáveis de base: a história que queremos contar; a experiência que pretendemos promover no público; qual o target focus; que plataformas vamos usar para interagir com o target e permitir a esse uma experiência relacionada com a mensagem; de que forma vamos executar a ação do projeto, ou seja, estamos perante um projeto de brand content ou teremos de criar um modelo de negócio que permita a viabilidade do mesmo.

O grande objetivo de uma estratégia de transmedia storytelling é permitir que todas estas componentes trabalhem em conjunto e em harmonia, apoiando-se mutuamente para o reforço da mensagem de marca.

Através da criação deste tipo de conteúdo é mais fácil diferenciar-mo-nos no meio online e captar de uma forma mais eficaz a atenção dos utilizadores já saturados com o excesso de informação existente no referido meio, muitas vezes, sem qualidade.

Torna-se pertinente colocar na base de desenvolvimento de qualquer conteúdo uma estratégia de Transmedia Storytelling, que permita que os vários elementos que compõem uma história sejam produzidos de acordo com as características de diferentes canais de distribuição, chegando assim a diferentes públicos.

Como funciona todo este processo?

Todas as plataformas que permitam o ponto de contacto com as pessoas e uma experiência diferenciada, sejam ou não utilizadores de web, são essenciais para esta nova cultura de marca. Apesar de o meio digital assumir uma crescente relevância na expansão do branding, dado que as novas gerações nasceram e cresceram com base neste ecossistema, todos os outros meios são fundamentais para implementar uma completa e eficaz estratégia de Transmedia Storytelling.

Cada vez mais esta realidade vai deixar de reconhecer a barreira entre media tradicional e media digital, já que todos os dispositivos serão apenas mais um ponto de contacto com o meio online. TV, Rádio, PC, Smartphone, Tablet e até imprensa, serão meios em que a experiência do utilizador permite uma ligação constante àquilo que podemos designar de “Revolução de Conteúdos”.

Na realidade, qualquer pessoa tem a capacidade de produzir, de se afirmar enquanto marca e de promover a sua pegada digital, comunicando e vendendo os seus produtos, serviços e conteúdos.

Este artigo foi publicado originalmente no Blog Transmedia Land.
Share